domingo, 30 de maio de 2010

PRECIPITAR


Por Anderson Souza

Não sei por qual motivo [apesar de suspeitar], mas, por esses dias a palavra PRECIPITAR ficou orbitando em minha mente, pode ser pelas situações recém-vivenciadas, ou pela quantidade de vezes em que a ouvi, e diante dessa demanda mental e verborrágica, curiosamente fui averiguar a semântica dessa palavra e consultei o “Pai dos Burros”, para ter uma melhor compreensão e encontrei a seguinte definição: Ato ou efeito de precipitar-se, pressa irrefletida; não muito satisfeito insisti nessa definição e deparei-me com: Atirar, lançar, arremessar (em situação desfavorável).

Em suma precipitar é se antevir por algo que não se sabe ao certo o que vai acontecer, mas que pode acontecer, isso ocorre numa tomada de decisão antes da hora ou do momento adequado. De fato, precipitar na vida acarreta em algumas conseqüências, e isso pode ser bom ou ruim [ao que parece geralmente é ruim], entretanto fico refletindo: Como não se precipitar?

Bom, o ideal era que se aprendesse a não se precipitar sem se precipitar, e como isso seria possível? Talvez através do método de observação, observo alguém que se precipite e logo não precipitarei. Porém, isso nem sempre é possível, ou melhor, geralmente não funciona assim, aprendemos algo com muita eficácia quando sensorialmente passa por “nossa pele”, ou seja, aprendo a não precipitar, precipitando.

Exatamente isso, a idéia empregada não é apenas um trocadilho e palavras, de fato no ato da precipitação, entende-se que alguém esta sendo precipitado e que talvez devesse estar sendo, porém esse entendimento surge justamente pelo fato de estar precipitando. Logo, compreende-se que em muitas situações e precipitações da vida, é quase que inevitável não se precipitar, simplesmente pelo fato de que nem sempre se consegue fazer a leitura correta da situação.

De modo que, à medida que vai se precipitando aprendesse a não mais se precipitar, e diante desse processo agregador de experiência, as escolhas da vida passam por filtros da sabedoria, da paciência e do bom senso. Saber disso, ou entender dessa forma, ajuda-nos a lidar com escolhas boas e más sucedidas na história de nossas vidas, e nos alenta a não mais nos autocomiserar pelas percas na nossa trajetória, e sim nos estimular a enfrentar a vida na esperança de que as boas e/ou melhores escolhas da vida estão por vir.

Cacete de Agulha

video

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Feedback - Prédica de Cleverson de Barros - Alusivo Ceia do Mês de Maio/2010


Por Anderson Souza

Em função de dezenas de compromissos, não está muito fácil mander o blog atualizado, são tantos assuntos que poderíamos compartilhar, tantas idéias que passa por nossas mentes a cada instante. Enfim, de fato, essa corrida frenética da atualidade tem exaurido nossas forças e abreviando os dias e as horas...

Todavia, alguns assuntos não tem como passar em branco, até porque fica martelando nossa mente; um deles que desejo comentar foi a ministração do Cleverson na AD- Central/Londrina, na última ceia desse mês [Maio/2010].

Foi umas da melhores mensagens que já ouvi nesse templo, a tempos que não via e ouvia uma homilia tematizando a ceia com tanta consistência do Evangelho. Com muita propriedade questionou as bases pirâmidais da religião que se materializa nas instituciões denominacionais, que por sua vez produz pessoas hipócritas, frias, sem vida, sem amor ao próximo, seus interesses são muito mais em cumprir com a lei dogmática, do que se relacionar com graça com o OUTRO.

De fato, a ceia era e é para pecadores, pecadores consciente do seu estado de pecabilidade e limitações humanas, contudo entendem que só há possibilidade de justiça e de santificação em Jesus Cristo, porque nEle somos visto pelo Pai em estado de santidade e assim temos condições de comer e beber dEle, não como mero ritual, mas como perspectiva consciente de que quando nos alimentamos de Deus temos vida conosco, com Ele e com o próximo.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Mulheres Não São Mais Passionais que Homens


Quem é mais racional: o homem ou a mulher? Dilema está presente na nova novela das oito: ‘Passione’. Você age guiado pela razão ou pela emoção? Saiba como isso pode ajudar na sua vida.

Responda rápido: se você tiver que tomar uma decisão sobre um assunto qualquer – amor, dinheiro, saúde ou trabalho – nessa hora tenta ser racional ou a emoção fala mais alto? Uma pesquisa feita com duas mil pessoas em todo o país divide os brasileiros em três tipos bem diferentes. Saiba como isso pode ajudar na sua vida.

Quebrar a dieta ou não? Xingar aquele folgado no trânsito ou não? É só a gente acordar, e nosso cérebro dispara a tomar decisões. Quem age mais com a razão: o homem ou a mulher? E quem é mais emocional: o homem ou a mulher? Uma pesquisa do Ibope acaba de vez com esse mito de que as mulheres são mais passionais do que os homens, ou seja, que agem mais com a emoção do que a razão.

QUIZ: Faça o teste e veja se você é passional, racional ou ‘malabarista’

“O que acontece é que as mulheres expressam com mais facilidade algumas manifestações emocionais: chora, fica alterada e fica com medo. Às vezes o cara está todo quieto no canto e ele está passando por uma tempestade emocional”, destaca a psicóloga e consultora da pesquisa, Vera Rita de Mello Ferreira.

A pesquisa analisou o comportamento de duas mil pessoas em 27 situações diferentes para saber o que pesava mais na hora de uma decisão: a razão ou a emoção? Trata-se de um dilema que vai ser marcante na trama da novela “Passione”, que estreia nesta segunda-feira (17). “O tempo inteiro a novela é razão e emoção”, afirma o autor Sílvio de Abreu.

Quer um exemplo? A paixão que a personagem de Mariana Ximenes vai despertar em Antônio, vivido por Tony Ramos. “Ele espera um grande amor e aparece essa menina de 20 e poucos anos. Ele já tem 55 e se apaixona perdidamente por ela, que se aproveita dessa paixão e usa toda a emoção que ele coloca para ela em seu favor usando a razão, roubando e tirando tudo o que ela pode dele”, adianta o autor da novela.

Pensar com o coração está mesmo no sangue latino: ao todo, 34% dos entrevistados se revelaram passionais em suas decisões.

“Um exemplo na vida prática: pessoas impulsivas, pessoas que não olham no longo prazo, que estão muito buscando um alívio imediato e estão muito sujeitas a ilusões”, cita a psicóloga Vera Rita de Mello Ferreira.

A nutricionista Luciana Carvalho de Souza, de 31 anos, também sofre com seus impulsos. “Eu tomo uma atitude sem pensar, com a cabeça quente. Depois quando eu me acalmo, vejo que eu fiz uma injustiça com alguém e aí sofro”, conta.

No meio do caminho, está quase metade dos entrevistados: os ‘malabaristas’. Ao todo, 44% dos entrevistados querem ter mais equilíbrio, mas não conseguem. Atribulada com o dia a dia, a professora Karla Rocha vive sendo dominada pela emoção.

“O coração me pede para eu fazer varias coisas. Vivo cedendo à família e ao filho, querendo agradar ao marido. Muitas vezes eu sei que eu preciso parar e descansar, mas eu acabo cedendo à pressão dos dois”, diz a professora.

“Acho que não tem muita dúvida: quem é mais feliz é o racional. Ser racional está ligado ao fato de você poder conviver melhor com as suas emoções”, afirma a psicóloga Vera Rita de Mello Ferreira.

Os racionais são minoria: só 22%. No trabalho, é aquele chefe que todos queremos ter. “É o cara que é mais flexível e que, dependendo do que aconteça com a vida dele, pode ser bom ou ruim, ele consegue manter a cabeça funcionando”.

Júlio Dias se tornou um empresário de sucesso, porque soube manter a cabeça fria nas crises. “Não entro em pânico de maneira nenhuma”, garante. “Pelo contrário: nós que costumamos estar em pânico, e o Júlio entra para dar uma direção, um norte”, comenta o funcionário Emerson de Sá.

A pesquisa mostrou que, entre as pessoas racionais, metade é do sexo feminino. Em “Passione”, sobram mulheres que agem com a razão, como Stela, personagem de Maitê Proença, que vive em crise no casamento.

“A Stela arruma um método racional para poder viver bem: ela sai e encontra outros homens, trai o marido, volta para casa feliz da vida e cuida da família”, explica o autor da novela, Sílvio de Abreu.

Por que é importante para uma pessoa saber se ela é mais emocional, mais uma equilibrista ou se ela é mais racional? “Porque esse autoconhecimento vai permitir que ela melhore o que está incomodando. Então, ela vai conseguir se identificar melhor onde ela esta exagerando um pouco, onde ela pode se desenvolver mais e onde ela costuma errar sempre”, destaca a psicóloga Vera Rita de Mello Ferreira.

Esta semana, o técnico Dunga não pensou duas vezes ao justificar a não convocação de alguns jogadores para a seleção. “Eu tenho que tomar uma decisão mais pela razão, não pela emoção, não pelo coração”, justificou o técnico.

“Talvez tenha sido o oposto, talvez ele tenha sido muito emocional porque ele ficou escravizado pela visão que ele tinha antes. E talvez se ele fosse mais flexível, ou seja, mais racional, ele pudesse então ter dito: ‘É verdade, eu tinha pensado uma coisa meses atrás, mas agora a situação é outra. Portanto, eu vou levar, nem que seja para eles irem para o banco de reserva’”, acredita a psicóloga Vera Rita de Mello Ferreira

Contribuição: FANTÁSTICO.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Projeto Arrecada Agasalhos Para Crianças Carentes


Projeto Arrecada Agasalhos Para Crianças Carentes

Restaurante Universitário da UEL (RU) é um dos pontos de arrecadação de roupas e brinquedos que serão doados a crianças da zona leste de Londrina

O Restaurante Universitário da UEL (RU) é um dos pontos de arrecadação de doações de roupas, agasalhos, calçados e brinquedos para crianças de até doze anos, que serão distribuídos para crianças carentes da região Leste de Londrina pelo projeto de extensão Galera de Deus, coordenado pela professora doutora Maria Luiza Marinho Casanova, do Departamento de Psicologia Geral e Análise do Comportamento.

A Campanha "1.000 crianças impactadas pelo amor" vai entregar as doações arrecadadas nos bairros Pindorama, Fraternidade, Marabá, Santa Fé, Monte Cristo e Morro do Carrapato.

As doações podem ser entregues no RU, Supermercados Musamar, Sonkey ou Supermercado São Francisco da Rua Maringá.

Mais informações pelo telefone 8824-7689 ou e-mail galeradedeus@uel.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Balé pra Macho

video

Semana de Solidariedade


Começa amanhã a tradicional Semana de Solidariedade, organizada pelos alunos de Administração.

Todos estão convidados para prestigiar o evento que acontece nos dias 12, 13 e 14 de maio, manhã e noite. O projeto é coordenado por Tatiana Maia, professora da disciplina de Prática Profissional Supervisionada (PPS) de Projetos Sociais, e conta com a participação de 15 alunos no período matutino e 50 no período noturno.

A professora informa que este ano o evento terá algumas novidades. As rendas das barracas, no período da manhã, serão revertidas para a Casa do Caminho. A entidade foi fundada em 1987, com o objetivo de educar crianças e adolescentes, e já atendeu a mais de 1.400 crianças. No dia 14 de maio, cerca de 30 crianças da entidade virão à faculdade para comercializar produtos com os alunos de administração. Outras entidades serão beneficiadas com as vendas dos produtos à noite: ONG Viver, Nuselon, Asilo São Vicente de Paulo, Espaço Escuta, Associação Clube das Mães Unidas e o Lar Santo Antônio de Cambé.

Prepare-se, porque neste ano, no período da manhã, terá brigadeiro, bolo, pastel e refrigerantes. E à noite, serão seis barracas com cachorro-quente, pastel, espetinho, foundue de chocolate, batata frita e bebidas. Então, se preparem para saborear essas delicias, e mais ainda, beneficiar grupos carentes.

Elvis Presley - How Great Thou Art

video

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Gostava Tanto de Você


Por Tim Maia
Composição: Édson Trindade

Não sei porque você se foi
Quantas saudades eu senti
[...]
E aquele adeus não pude dar...

Você marcou na minha vida
Viveu, morreu
Na minha história
Chego a ter medo do futuro
E da solidão
Que em minha porta bate...

E eu!
Gostava tanto de você
[...]

Eu corro, fujo desta sombra
Em sonho vejo este passado
E na parede do meu quarto
Ainda está o seu retrato
Não quero ver prá não lembrar
Pensei até em me mudar
Lugar qualquer que não exista
O pensamento em você...

E eu!
Gostava tanto de você...

Mantenha-se Sem Rir

video

Dia das Mães


Por Anderson Souza

O Dia das Mães também designado de Dia da Mãe teve a sua origem no princípio do século XX, quando uma jovem norte-americana, Anna Jarvis, perdeu sua mãe e entrou em completa depressão. Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a ideia de perpetuar a memória da mãe de Annie com uma festa. Annie quis que a homenagem fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas. Em pouco tempo, a comemoração e consequentemente o Dia das Mães se alastrou por todos os Estados Unidos e, em 1914, sua data foi oficializada pelo presidente Woodrow Wilson: dia 9 de Maio.

Dados Históricos: A mais antiga comemoração dos dias das mães é mitológica. Na Grécia antiga, a entrada da primavera era festejada em honra de Rhea, a Mãe dos deuses.

O próximo registro está no início do século XVII, quando a Inglaterra começou a dedicar o quarto domingo da Quaresma às mães das operárias inglesas. Nesse dia, as trabalhadoras tinham folga para ficar em casa com as mães. Era chamado de "Mothering Day", fato que deu origem ao "mothering cake", um bolo para as mães que tornaria o dia ainda mais festivo.

Nos Estados Unidos, as primeiras sugestões em prol da criação de uma data para a celebração das mães foi dada em 1872 pela escritora Júlia Ward Howe, autora de O Hino de Batalha da República.

No Brasil, em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data no segundo domingo de maio. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica.

Em Portugal, o Dia da Mãe é celebrado no primeiro domingo de Maio.

Em Israel o Dia da Mãe deixou de ser celebrado, passando a existir o Dia da Família em Fevereiro.

Contribuição: Wikipédia.
______________________________________________________
Agradeço a Deus todos os dias pela minha querida mamãe, que como muitas mães, foram mães-e-pais labutando para providênciar meios de subexistência (literalmente) para mim e meus irmãos... Te amo mãe por que de fato, a senhora é um porto-seguro na minha vida e tem demostrado cuidado sobre minha vida em múltiplas formas e maneiras possíveis em impossíveis... Te amooooooooooo Dª Cida...

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Video da Política

video

O Milagre do Presente


Por Anderson

Enquanto dormíamos essa noite, incompreensivelmente ocorria o milagre da elaboração desse novo dia. Muito de nós ficamos estupefatos diante de uma cura física ou diante de uma manifestação sobrenatural, e a isso nominamos e chamamos de milagre.

Porém acordei essa manhã, e ao abrir a janela de meu apartamento me deparei com um sol maravilhoso, e pude contemplar o verde da natureza, indubitavelmente não houve nenhuma participação humana, não houve nenhum empreendedorismo para composição químicas dessas cores, dos quais a natureza traz de forma tão natural e estonteante.

Sim! Enquanto descansávamos para repor nossas energia e encarar esse novo dia, Deus preparava essa surpresa para nós, apesar de não vir dentro de uma caixa com papel de presente e nem com laçinhos, esse dia é um presente de Deus para nós.

Junto com a beleza arrebatadora da natureza e com a aurora do dia trazendo raios solares revigorantes, junto com o nascer do sol, nasce a esperança de um dia melhor, e que por mais difícil que esteja nossa situação, por mais longa que seja a noite de nossa dificuldade, sempre nascerá o sol, revigorando nossas energias e produzindo em nós a certeza de um dia melhor, e que as coisas bacana da vida não só podem, como vai acontecer...!!!

terça-feira, 4 de maio de 2010

Martin Luther King

"Todo cristão que aceita cegamente as opiniões da maioria e segue, por medo ou timidez, o caminho da conviniência ou da aprovação social torna-se mentalmente e espiritualmente num escravo."

Dez Coisas Tão Simples Quanto Essenciais À VIDA!


Por Caio Fábio

1. Nunca descreia do poder do amor, ainda que você demore muito a ver os resultados;

2. Não tema pedir em oração, pois o Pai tem prazer em nos ouvir pedindo em fé confiante; mas lembre que Deus não está preso à oração, posto que somente nos atenda naquilo que Ele, como Pai, não julgue que nos fará mal;

3. Leia as Escrituras, especialmente a parte chamada de Novo Testamento; pois toda pessoa que, tendo tal chance, não a use, demonstra que não deseja mesmo conhecer a Deus; posto que seja pela leitura da Palavra que melhor se possa discernir a vontade de Deus;

4. Exercite-se na dadivosidade e na generosidade, pois por tais exercícios seu coração se manterá sóbrio em relação a dinheiro e poder;

5. Nunca fuja de uma necessidade humana que você possa ajudar a resolver... Seria como fugir de Jesus;

6. Fuja do pensamento malicioso. Seja sábio e sóbrio, mas não olhe com malicia, posto que o olhar malicioso corrompa todo o seu ser;

7. Cuidado com todas as raízes perversas... Sim, cuide de seu coração para que nele não cresçam as raízes da inveja, da amargura, da arrogância ou da auto-vitimização; pois essas são as piores raízes a serem deixadas vivas no chão do ser;

8. Nunca se sinta importante, pois tiraria toda a sua naturalidade de ser e viver...; além de que tal sentir é a ladeira para o abismo;

9. Nunca fuja de nenhuma verdade sobre você ou sobre quem você ame; pois, por tal evasão perde-se o discernimento e mergulha-se o ser no escafandro do auto-engano no fundo de um mar de rochas... Além disso, quem determina um auto-engano no pouco, esse será enganado no muito;

10. Ame a Deus e ao próximo; e não existirá lugar para ídolos em seu coração.

Estas são coisas simples e vitais... E aqueles que as seguem sempre são bem-sucedidos em tudo o que fazem; posto que seu fluxo de energia decorra da fonte do que é em Deus.

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Sutilmente


Por Skank
Composição: Samuel Rosa / Nando Reis

E quando eu estiver triste
Simplesmente me abrace
Quando eu estiver louco
Subitamente se afaste
Quando eu estiver fogo
Suavemente se encaixe

E quando eu estiver bobo
Sutilmente disfarce
Mas quando eu estiver morto
Suplico que não me mate, não
Dentro de ti, dentro de ti

Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti

E quando eu estiver triste
Simplesmente me abrace
E quando eu estiver louco
Subitamente se afaste
E quando eu estiver bobo
Sutilmente disfarce
Mas quando eu estiver morto
Suplico que não me mate, não
Dentro de ti, dentro de ti

Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti

Marina Silva em Londrina - FTSA e UEL - 30/04/2010


*Por Anderson Souza

A presidenciável Senadora Marina Silva esteve ontem [30/04] na cidade de Londrina, tive a oportunidade de assistá-la em dois momentos:

Primeiro momento – FTSA [Faculdade Teológica Sul America]:

Na FTSA Marina falou da importância e da responsabilidade do cristão na interação com o meio ambiente. Marina construiu seu discurso obviamente em cima de toda sua experiência e militância desde idos dos seringais amazonenses, entretanto de forma muito sábia também dialogou bastante a partir das perspectivas bíblicas, e em geral recorrendo e citando textos bíblicos.
Em tom de homilia, a Senadora Marina chamou-nos a atenção da importância de como um cristão deve tomar consciência que, cuidar do meio ambiente é muito mais que desenvolver o projeto ou um programa sócio-ambiental e auto-sustentável, mas sim assumir o papel de mordomos da criação; ser coerente com o com os discursos elaborados a partir dos textos bíblicos, e dar continuidade no cuidado daquilo que foi criado pelo Criador.
Diante dessa exposição introdutória a perceptividade instalada no auditório foi: O que, que eu estou fazendo para contribuir para cuidar da criação do Pai? Segundo, o que, que a igreja como instituição organizacional tem feito em prol do cuidado do meio-ambiente? Porque, o que parece é que apesar de ter uma minoria fazendo o dever de casa, contudo uma boa quantidade de igrejas com seus pseudo-engachamentos não passam de falácias, porque na prática observa-se que não fazem absolutamente nada, se detém canalizando toda sua energia para dar manutenção na instituição local, sempre no interesse de defender suas logomarcas, suas práticas os denunciam porque não se envolvem com projetos culturais, sociais nem tão pouco ambientais, logo não são comprometidos com o Reino de Deus.


Segundo momento – UEL [Universidade Estadual de Londrina]:

Na UEL a Senadora falou sob a temática; o papel da educação frente à responsabilidade na interação com o meio ambiente. De forma mais sistemática, explicitou a realidade em que se encontra o planeta Terra frente à irresponsabilidade das pessoas, essa displicência frente ao meio ambiente tem gerado estragos irreparáveis em nosso Planeta, por conta da ganância e da ignorância humana.
Observa-se que Marina Silva não possui um discurso vazio e teórico, mas suas palavras são carregadas de existencialidade, desde muito cedo militou junto com verdadeiros mestres, como; Leonardo Bof, Clodovis Bof, Chico Mendes e Paulo Freire, entre outros. Ao término de seu discurso Marina Silva salientou para aqueles grupos de alunos universitários, a não entrar pela via do pragmatismo, contudo cultivar utopias, pois diante dessa realidade alarmante instalada entre nós, é necessário sonhar não partir da surrealidade, mas sim a partir das possibilidades de transformações. Afinal de contas, a utopia do Reino é que; A injustiça, a fome, a violência, a desigualdade, tem seus dias contados porque o Reino de Deus esta vindo sobre nós...!!!

domingo, 2 de maio de 2010

Depois de Algum Tempo


*Por William Shakespeare

"Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sútil diferença entre dar a mão e acorrentar a alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se,e que companhia nem sempre significa segurança. E começa aprender que beijos não são contratos, e que presentes não são promessas. E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e os olhos adiante, com graça de um adulto e não a tristeza de uma criança. E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair meio em vão."

“Depois de algum tempo, você aprende que o sol queima, se ficar a ele exposto por muito tempo. E aprende que, não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam… E aceita que, não importam quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo (a) de vez em quando, e você precisa perdoá-la por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais. Descobre que leva-se anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá para o resto da vida. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer, mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher. Aprende que não temos que mudar de amigos, se compreendermos que os amigos mudam. Percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos. Descobre que as pessoas com que você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso, devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos.”

“Aprende que as circunstâncias e os ambientes têm muita influência sobre nós, mas que nós somos responsáveis por nós mesmos. Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que você pode ser. Descobre que leva muito tempo para se chegar aonde está indo, mas que, se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve. Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.”

“Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer,enfrentando as conseqüências. Aprende que paciência requer muita prática.Descobre que algumas vezes, a pessoa que você espera que o chute, quando você cai, é uma das poucas pessoas que o ajudam a levantar-se. Aprende que a maturidade tem mais a ver com tipos de experiências que se teve e o que se aprendeu com elas, do que com quantos aniversários você celebrou. Aprende que há mais de seus pais em você do que você supunha. Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes, e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva, tem direito de estar com raiva, mas isso não lhe dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama mais do jeito que você quer não significa que esse alguém não o ame com todas as forças, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso. Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, e que algumas vezes, você tem que aprender a perdoar a si mesmo.”

“E que, com a mesma severidade com que julga, será em algum momento condenado. Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára, para que você junte seus cacos. Aprende que o tempo não é algo que se possa voltar para trás. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. E você aprende realmente que pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir mais longe, depois de pensar que não pode mais. E que realmente a vida tem valor diante da vida!!!”

Ana Carolina & Seu Jorge - É Isso Aí.

video

Por Você



*Por Frejat

Por você eu dançaria tango no teto
Eu limparia os trilhos do metrô
Eu iria a pé do Rio a Salvador
Eu aceitaria a vida como ela é
[..]

Por você eu deixaria de beber
Por você eu ficaria rico num mês
Eu dormiria de meia pra virar burguês

Eu mudaria até o meu nome
Eu viveria em greve de fome
Desejaria todo dia,
A mesma mulher

Por você conseguiria até ficar alegre
Pintaria todo o céu de vermelho
Eu teria mais herdeiros que um coelho
Eu aceitaria a vida como ela é
[...]

Por você...

Eu mudaria até o meu nome
Eu viveria em greve de fome
Desejaria todo dia,
A mesma mulher

Por você...


*Roberto Frejat (Rio de Janeiro, 21 de maio de 1962) é um cantor, compositor e guitarrista brasileiro. Mais conhecido no Brasil apenas como Frejat, é um vocalista e um dos fundadores da banda Barão Vermelho. Foi também o principal parceiro de Cazuza em composições.